junho 25, 2024
Darwinismo morto
Divertidamente
O ‘São João’ de minha infância
Curso de Teatro Pandora
Museu da Língua Portuguesa
Rosas desérticas
Convidada
Últimas Notícias
Darwinismo morto Divertidamente O ‘São João’ de minha infância Curso de Teatro Pandora Museu da Língua Portuguesa Rosas desérticas Convidada

Quando tudo se acaba em recomeço

Print Friendly, PDF & Email

Tânia Orsi: Poema ‘Quando tudo se acaba em recomeço’

Tânia Orsi
Tânia Orsi
“Mas os dias também não eram mais tempo E o tempo era uma porta que abria o horizonte para uma outra vida”
Microsoft Bing – Criador de imagens do Designer

Um dia levantou-se brando
Disposto a entrar no
corpo das estrelas molhadas.
Saiu empurrando as águas
Sob as estrelas altas.
Não sabia mais carregar
Sua vida
Na mochila dos dias.

Entrou mar adentro
Lavando as feridas da alma
Levando seus sonhos para a
Profundeza escura e silenciosa
De si mesmo.

Retornou em forma de espuma
No corpo da estrela molhada.
Pousou-se sobre a areia fluida, feliz!
Sabendo que não sairia com vida
Mas os dias também não eram mais tempo
E o tempo era uma porta
Que abria o horizonte
Para uma outra vida.

Tânia Orsi

Contatos com a autora


Voltar: http://www.jornalrol.com.br

Facebook: https://facebook.com/JCulturalRol/

Tânia Maria Orsi
Últimos posts por Tânia Maria Orsi (exibir todos)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Pular para o conteúdo