julho 22, 2024
A Arte como didática: ela precisa ‘ensinar’ bons modos?
Canto do homem e dos pássaros
Soneto para Beethoven
Exposição de Artes Visuais
Monarquia constitucional
4° Concurso Literário da FLAUS 2024
Ensaio sobre o banho
Últimas Notícias
A Arte como didática: ela precisa ‘ensinar’ bons modos? Canto do homem e dos pássaros Soneto para Beethoven Exposição de Artes Visuais Monarquia constitucional 4° Concurso Literário da FLAUS 2024 Ensaio sobre o banho

A narcisista ingênua

Print Friendly, PDF & Email

Virgínia Assunção: ‘A narcisista ingênua’

Virgínia Assunção
Virgínia Assunção
Microsoft Bing. Imagem criada pelo Designer

A fila da padaria estava devagar, e minha paciência por um fio. Diante de mim, uma mulher falava ao celular, e era impossível não ouvir a conversa. Em um misto de curiosidade e cansaço, comecei a ouvi-la atentamente.

     – “Não, eu não sou como a Sônia, ” dizia ela, com uma voz carregada de indignação.  – “Você sabe, ela é uma dessas que adora se mostrar. Vive postando foto em rede social, sempre querendo chamar atenção. Uma egocêntrica de primeira, nunca vi igual! ”

     Olhei de relance para a cesta de compras dela: uma variedade de produtos cuidadosamente escolhidos, queijo, presunto, brioches, ovos, vinho e pão. A mulher, muito bem vestida e ostentando um relógio brilhante, continuava sua crítica severa e mordaz sobre a tal Sônia.

     – “E a pior parte é que ela nunca admite que erra, ” – continuou a mulher, alheia à fila que começava a se impacientar atrás de nós. -“Eu, tenho certeza, sou humilde o suficiente para reconhecer meus defeitos. Mas ela, não! Nunca assume responsabilidade por nada. ”

     À medida que ela falava, mais claro se tornava que a tal Sônia talvez fosse um reflexo distorcido da própria mulher no celular. Seus gestos altissonantes e a forma como olhava ao redor, certificando-se de que todos prestavam atenção, revelavam mais do que ela pretendia.

    -“O que mais me irrita é essa necessidade de aprovação que ela tem, ” prosseguiu, enquanto ajeitava o cabelo olhando o reflexo na porta do refrigerador próximo. – “Eu nunca precisei disso. Sou autossuficiente. ”

     Naquele momento, não pude deixar de esboçar um sorriso. A narcisista que não se reconhece como tal é uma figura quase trágica, se não fosse cômica, perdida em sua própria contradição. Ela acusava a amiga Sônia de comportamentos que, visivelmente, eram seus. E, ao acusá-la, revelava mais sobre si do que qualquer confissão direta.

     Enfim, chegou sua vez no caixa. Ela finalizou a ligação com um ar de superioridade e um – “eu ligo depois, isso aqui está uma bagunça. ” Enquanto a moça do caixa registrava suas compras, a mulher ainda fez questão de comentar: – “Essas filas são um absurdo, não é? Parece que ninguém aqui sabe organizar as coisas. ”

     Eu, logo atrás dela, não pude deixar de refletir sobre a ironia daquela cena. Muitas vezes, as palavras que usamos para descrever os outros são espelhos que revelam, de fato, nossa verdadeira imagem. Naquela padaria, a narcisista estava, sem perceber, despida de suas máscaras, subestimando a todos, enquanto deixava transparecer suas próprias fraquezas falando dos defeitos alheios.

     Fui para casa pensando na complexidade humana, e em como somos cegos para nossas próprias falhas, enquanto as vemos com a maior clareza nos outros. E, em meio a essa reflexão, pensei comigo mesma em tentar, ao menos, de alguma maneira, ser diferente. Afinal, reconhecer-se é um passo para entender o mundo ao nosso redor, e, provavelmente, julgarmos menos as pessoas.


Virgínia Assunção


Contatos com a autora

Voltar

Facebook

Maria Virginia de Assuncao Feitosa Gomes
Últimos posts por Maria Virginia de Assuncao Feitosa Gomes (exibir todos)

One thought on “A narcisista ingênua

  1. Virgínia, você descreveu perfeitamente o tipo de pessoa que vive apontando as falhas alheias, mas que, a bem da verdade, tão somente faz delas um espelho que reflete a si mesma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Pular para o conteúdo