julho 22, 2024
A Arte como didática: ela precisa ‘ensinar’ bons modos?
Canto do homem e dos pássaros
Soneto para Beethoven
Exposição de Artes Visuais
Monarquia constitucional
4° Concurso Literário da FLAUS 2024
Ensaio sobre o banho
Últimas Notícias
A Arte como didática: ela precisa ‘ensinar’ bons modos? Canto do homem e dos pássaros Soneto para Beethoven Exposição de Artes Visuais Monarquia constitucional 4° Concurso Literário da FLAUS 2024 Ensaio sobre o banho

O Cravista

Print Friendly, PDF & Email

Gravações de ‘O Cravista’, filme documental sobre o legado de um dos maiores cravistas do Brasil, são finalizadas com cena na Casa Julieta de Serpa

Rafael Azerevo - O Cravista - Roberto de Regina
Rafael Azerevo – O Cravista – Roberto de Regina

Com direção e roteiro de Luiz Eduardo Ozório, ‘O Cravista’ tem previsão de lançamento no segundo semestre de 2024

A história da música clássica no Brasil está intrinsecamente ligada à vida de Roberto de Regina. Um dos cravistas mais importantes do país, Roberto, hoje com 97 anos, reintroduziu a música barroca no Brasil, tendo sido o primeiro músico a construir o instrumento de cordas pinçadas em solo nacional. ‘

O Cravista’, com direção e roteiro de Luiz Eduardo Ozório e produção da OZ FILMS Productions, conta a trajetória pessoal e profissional do homem que deixou o mundo atual para viver os encantos do século 18. As gravações foram finalizadas, na Casa Julieta de Serpa (RJ), com convidados, em um inusitado baile Real. Dançarinos e músicos especializados no período, coreografados pelo Professor da UFF Mário Orlando, acompanharam com figurinos de Rogério Madruga o ritmo das notas tocadas pelo cravista. O lançamento do projeto está previsto para o segundo semestre de 2024. 

Rafael Azerevo - O Cravista - Roberto de Regina
Rafael Azerevo – O Cravista – Roberto de Regina

Em uma produção minuciosa e delicada, ‘O Cravista’ aborda a história deste artista singular que vive pela arte. Prestes a comemorar seu centenário, a trajetória de Roberto é retratada no filme através de temas como a persistência em seguir a verdadeira vocação, o envelhecimento, o relacionamento de 40 anos com Ronaldo Ribeiro e as amarras do preconceito.

“Pra mim o documentário será muito positivo para reverberar o valor que o Cravo representa para a música. Acredito que é um instrumento que tem um potencial de se manter vivo, crescer, porque ele tem algo especial. O som é parecido com as cordas da guitarra, então acho que o futuro do Cravo será promissor com os jovens”, destaca o artista. Com o apoio de Youle Locação, Luz Rio, Cesgranrio e Casa Julieta de Serpa, o projeto entra no universo recriado por Roberto de Regina, inspirado no período barroco. 

Para o filme documental, que começou a ser rodado em 2022, o diretor Luiz Eduardo Ozório acompanhou diversos momentos importantes da vida do maestro, como a homenagem que a Camerata Antiqua de Curitiba fez para ele na Sala Cecília Meireles, em 2022, e a sua última apresentação nos palcos, realizado na Academia Brasileira de Letras (ABL), em 2023.

“Mostrar a trajetória de um dos artistas mais importantes da música clássica brasileira, além de um privilégio, é necessidade, porque o Roberto de Regina é uma lenda viva da cultura e da arte, reconhecido por um grupo de pessoas, mas um ilustre desconhecido para grande parte. Este filme é uma oportunidade de celebrarmos a vida e a obra dele e com ele”, comenta o diretor e roteirista. Em 1974, Roberto de Regina fundou a Camerata Antiqua de Curitiba, em atividade até hoje, e em 1960 se apresentou na inauguração de Brasília, momento pelo qual o artista continua a ser reverenciado.

Em 2023, o cravista recebeu o título de Honoris Causa pela Academia Brasileira de Belas Artes. Essa diferente forma de observar a vida o estimulou a ser mais do que um músico e maestro, se tornando também pintor e luthier.

Abordada em ‘O Cravista’, a Capela Magdalena criada por Roberto em Guaratiba, Rio de Janeiro, é sua casa atual, onde vive aos moldes dos castelos europeus, transportando toda a atmosfera do século XVIII para os dias atuais. Nela o maestro realiza apresentações periódicas, acompanhadas de um elegante jantar, além de ser possível visitar seu museu particular, com 500 maquetes e miniaturas exibidas. 

Rafael Azerevo - O Cravista - Roberto de Regina
Rafael Azerevo – O Cravista – Roberto de Regina

Sinopse de “O Cravista”: Após a sua aposentadoria, o médico-anestesista Roberto de Regina decide se dedicar integralmente ao estudo da música clássica antiga, tornando-se um dos maiores cravistas do Brasil e o primeiro a construir o instrumento em solo nacional, ao longo de sua trajetória, lançou inúmeros discos e foi vencedor de muitos prêmios. Seus feitos reintroduziram a música barroca no país, influenciando toda uma nova geração de músicos.

Sobre Roberto de Regina: Mesmo se despedindo dos palcos em 2022, o legado de Roberto de Regina permanece vivo. Com 97 anos, o maestro e cravista foi o primeiro a construir um cravo no país, reintroduzindo a música clássica barroca aos brasileiros. Músico autodidata, começou a se dedicar à arte após 30 anos trabalhando como médico-anestesista e em 1960 se apresentou na inauguração histórica de Brasília. Roberto fundou em 1974 a Camerata Antiqua de Curitiba e em 2023 recebeu o título de Honoris Causa pela Academia Brasileira de Belas Artes. O músico gravou e publicou no YouTube 16 concertos que fazem parte do projeto Johann Sebastian Bach Concertos para cravo solo, além de lançar mais 25 álbuns e 5 DVDs. Roberto vive hoje na Capela Magdalena, em Guaratiba, Rio de Janeiro, aos moldes dos castelos europeus.

Sobre a OZ FILMS Productions: Criada por Luiz Eduardo Ozório, OZ FILMS Productions é uma produtora independente dedicada ao cinema brasileiro. Em 2014, ganhou o Festival de Cannes pela produção do comercial “Noivos”, para a ONG Trânsito Amigo. A produtora assumiu em 2015 a direção de arte do longa-metragem “Solteira Quase Surtando” e em 2019, lançou seu primeiro longa-metragem documental “Doidos de Pedra – O Paraíso Ameaçado”, que foi Seleção Oficial em mais de 20 festivais de cinema pelo mundo e venceu 6 prêmios, 4 deles de Melhor Documentário.


Voltar

Facebook

Sergio Diniz da Costa
Últimos posts por Sergio Diniz da Costa (exibir todos)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Pular para o conteúdo