abril 24, 2024
O Coração do Príncipe
Desculpas
Cuidando da vida
Mártir
Penhasco
Última inquietude de um ser
Quebra-cabeça
Últimas Notícias
O Coração do Príncipe Desculpas Cuidando da vida Mártir Penhasco Última inquietude de um ser Quebra-cabeça

Alta tensão

Print Friendly, PDF & Email

Eliéser Lucena: Poema ‘Alta tensão’

Eliéser Lucena
Eliéser Lucena
Silvana Lucena

Do alto da sacada parecia mentira

Energias se conectaram

Ninguém poderia saber

Entender? Melhor nem tentar

O corpo pede a alma implora

Aqui, agora é imortal

Mas nem tudo é perfeito

Tropeçamos em nós mesmos

Vítimas da nossa estupidez

Não se sabe quando é a hora

Só sentimos o impulso

Uma visão, um simples olhar

Um toque, uma centelha

O suficiente para um incêndio

Mas como pode?

Descendemos da mesma raiz

Não somos imunes ao que acontece

Apenas passageiros desatentos

Embarcamos ou não, a escolha é nossa

Ao escolhermos, um mundo deixa de existir

Outro começa a florescer

Caminho que pode ser sinuoso

Mas vale por si e pela viagem

Nota: Não acredito que exista um dia apenas para o reconhecimento de algo, alguém ou alguma coisa. É um trabalho árduo que deve ser feito todos os dias. Na verdade, acredito no resgate de nós mesmos, saindo de casulos imaginários, lugares onde somos imbatíveis. Hoje, um marco, uma data em que celebro mais um ano de casamento com a pessoa que escolhi e que, mesmo em momentos não tão bons, estava lá, um esteio de força e determinação… Silvana Lucena!

Bodas de Cerâmica ou Vime – 9 anos

Eliéser Lucena

Contatos com o autor


Voltar: http://www.jornalrol.com.br

Facebook: https://facebook.com/JCulturalRol/

Eliéser Affonso Lucena
Últimos posts por Eliéser Affonso Lucena (exibir todos)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Pular para o conteúdo